Ícone Sistema de Gestão Ícone Carrinho de Compras Ícone Carrinho de compras de Atacarejo Ícone CISSAppetito

Cinco dicas para melhorar o desempenho da sua loja nas redes sociais.

dicaciss

Publicado em

terça, 27.Set.2016

   

Hoje em dia, não tem mesmo como fugir. Para uma marca ter um bom desempenho no mercado, é imprescindível ter uma presença marcante nas redes sociais, o que não é tarefa nada fácil. Se você está chegando agora na internet com sua empresa, talvez se sinta um pouco perdido de como começar a montar sua base na “terra prometida” que são as redes sociais.

Para dar uma força, o DeeMe, aplicativo que funciona como um misto de Instagram, Snapchat e WhatsApp, preparou uma lista de elementos importantes para se atentar na hora de criar suas contas nas redes por aí.

1. Esteja na rede porque você quer
 
Um grande problema que empresas e marcas enfrentam ao entrar para o mundo das redes sociais é abrir uma conta no Facebook, por exemplo, apenas porque elas acham que precisam estar lá, e não porque elas realmente querem. Assim como não será legal fazer um curso que você não gosta, criar uma página numa rede social só será uma boa experiência se você realmente acreditar no potencial dela. Pesquise, procure conhecer o perfil dos usuários da rede social, veja se os princípios dela batem com os de sua marca. O tipo de rede social que você escolher dependerá do objetivo do seu negócio.

2. Tenha objetivos definidos
 
Antes de sair postando, saiba porque você está postando. Você quer ter mais fãs? Aumentar o número de seguidores? Ter mais influenciadores de olho no seu conteúdo? É importante saber o que você está buscando para não haver ruídos nas ações que você fizer. Hoje em dia, ninguém mais assiste a determinado programa só porque é o que está passando. Com a internet, você acessa o conteúdo que você quer, na hora que você quer, sem necessidade de perder tempo com algo que não gere interesse. Por isso, não faz sentido produzir algo para muita gente (que muitas vezes nem estão interessados no que você tem a oferecer, simplesmente por falta de identificação com o conteúdo). Sendo assim, seja sábio e, do mesmo jeito que você sabe o que quer falar, saiba quem irá ouvir e porque essas pessoas terão interesse em ouvir.

3. Apresente conteúdo diferenciado
 
Não adianta ficar batendo na mesma tecla que todo o resto do mundo bate. Crie conteúdos novos para divulgar. Você tem contas em diferentes redes sociais? Faça materiais diversos para cada um ou adapte de maneira criativa o mesmo conteúdo para as diferentes plataformas, ressaltando o aspecto que mais conversa com a rede selecionada. Uma boa dica é utilizar pilares de conteúdo, técnica que consiste em decidir de maneira organizada quais serão os assuntos tratados no material que você irá criar. Quanto mais interessante e inovador for o seu conteúdo, maior será a chance do seu material ser compartilhado de maneira espontânea e orgânica pelos seus seguidores. Ou seja, não tenha medo de pensar fora da caixinha!

4. Explore formatos
 
Com um mar de conteúdo disponível na internet ao menor esforço, é importante saber se destacar da multidão. Felizmente, com as redes sociais você está lidando com a internet e as infinitas possibilidades que ela oferece. Por isso, não hesite em testar novos formatos. Gifs, imagens, textos, jogos, vídeos, enfim, são muitas as opções disponíveis para você trabalhar a narrativa do seu material e chamar ainda mais a atenção dos seus seguidores. Combinar modelos e formatos para criar um material ainda mais interativo é uma maneira bem interessante de divulgar o trabalho da sua marca ou empresa. Fique esperto também para as opções de personalização que os aplicativos dispõem para sua empresa. Sempre tente disponibilizar conteúdo interativo para seus seguidores, é sucesso na certa!

5. Seja acessível
 
Esteja atento ao que o seu público-alvo gosta de consumir e como eles consomem o conteúdo da internet. Existem plataformas para reunir uma base com informações sobre sua marca/empresa, enquanto outras ótimas para espalhar material de campanhas e manter um contato próximo com os seguidores. Pesquisas mostram que o usuário quer, acima de tudo, interagir com a marca, sentir que sua opinião importa e que eles são ouvidos pela empresa. Não é à toa que vira e mexe, posts em sites de cultura pop exaltam a comunicação do Netflix, por exemplo, com os usuários da plataforma. Seja sempre atencioso e criativo no tratamento do cliente.


Fonte: Portal NOVAREJO.

 

   

Publicado EM: terça, 27.Set.2016

ARTIGOS RECOMENDADOS